Oficina de Pêssanka com Vilson José Kotviski, no “Encontro de Tradições” – Antonina-PR

Pêssankas no “Encontro de Tradições” – Antonina-PR

As pêssankas, artesanato de origem ucraniana que se tornou referência cultural no Paraná, estarão presentes na primeira edição do “Encontro de Tradições”, que ocorre de 20 a 22/04/17, em Antonina-PR.

O evento contará com três dias de muita música, dança, autos populares, artesanato, oficinas, exposições, uma programação variada e gratuita para se descobrir as tradições populares paranaenses.

Entre as atrações estão grupos tradicionais de música e danças, como Gongada da Lapa, Romaria do Divino de Paranaguá, Folia de Reis de Londrina e o Grupo Folclórico Ucraniano Spomen de Mallet-PR.

Na feira de artesanato, as pêssankas do Núcleo de Artesãos de Pêssankas de União da Vitória e Porto União estarão presentes, e também serão oferecidas duas oficinas gratuitas com a coordenação de Vilson José Kotviski.

A realização é da produtora Olaria Cultural Projetos de Arte e Educação. O evento nasceu da parceria da curadora Lia Marchi com o produtor LM Stein.encontro

24 de agosto – dia da comunidade ucraniana no Paraná, Santa Catarina e no Brasil

Agora oficialmente o dia 24 de Agosto é:

– Dia da Comunidade Ucraniana no Paraná
– Dia da Imigração Ucraniana em Santa Catarina
– Dia Nacional da Comunidade Ucraniana
 

 

Projeto de Aguiar cria Dia da Imigração Ucraniana

Imagem

O deputado Antônio Aguiar é o autor do Projeto de Lei nº 442/07, que institui o Dia Estadual da Imigração Ucraniana, a ser comemorado no dia 24 de agosto.

A Mesa Diretora da Assembléia marcará, anualmente, sessão solene para comemoração desta data. O parlamentar informa que os ucranianos começaram a chegar ao Brasil em 1891, trazendo o estilo bizantino de suas igrejas, seus trajes bordados, comidas e danças típicas. Em Santa Catarina os descendentes de eslavos habitam cidades como São Bento do Sul, Mafra e Itaiópolis.

Os ucranianos diferenciam-se de outros povos eslavos pela língua, costumes e origem histórica. A Ucrânia proclamou a sua Independência no dia 24 de Agosto de 1991, daí a sugestão para a data comemorativa no estado. Na sua maioria, os imigrantes ucranianos chegados aqui se dedicaram à agricultura. Experientes cultivadores do trigo, não se restringiram a essa cultura, pois passaram a exercer atividades nos setores do cultivo do milho e feijão, com grande destaque para a fumicultura em Itaiópolis.

Aguiar esclarece que a outra parte, que não se dedicou à agricultura, voltou-se para diversas atividades industriais, destacando-se na fabricação de móveis, em atividades empresariais, em especialidades técnicas e no exercício de profissões liberais. Oriundos de um país rico em tradições artísticas, com um folclore dos mais admirados em toda a Europa, os ucranianos que aqui chegaram não poderiam fugir à herança cultural recebida de seus antepassados.

Fonte: (Rubens Vargas/Divulgação Alesc)

http://www.portaldecanoinhas.com.br/noticias/5003

Início de Ano da Comunidade Ucraniana

Comunidade ucraniana do Barreiros, União da Vitória-PR

No dia 06 de janeiro, para os ucranianos católicos é celebrada a festa da Epifania, com a realização da bênção da água. Cada família leva um pouco de água benta para casa, para o que o padre a utilize durante as visitas para as benções dos lares em Janeiro e Fevereiro, tradicional costume da comunidade ucraniana.

Pe. Josafat Roiko na celebração da bênção da água.

Já para os ucranianos cristãos ortodoxos, que seguem o calendário juliano, o Natal foi celebrado no dia 07 de janeiro, seguindo posteriormente também a festa da Epifania.

Em todas as igrejas ucranianas da região se percebe um grande movimento das pessoas em busca da água benta, que levam para suas casas e a mantém durante o ano, até o próximo ano.

As fotografias mostram momentos da bênção da água na comunidade ucraniana do Barreiros, uma das antigas e marcantes igrejas em madeira da nossa região.

Vilson José Kotviski – vilson@pessanka.com.br

Porto União-SC / União da Vitória-PR

Reforma da Igreja São Miguel Arcanjo na Serra do Tigre – Mallet-PR

Em abril de 2009 foi realizado um memorável evento na Serra do Tigre, com a presença do Ministro da Cultura Juca Ferreira. Era o lançamento dos investimentos para o restauro deste importante símbolo da cultura ucraniana no Brasil

Foi feito um grande agito, pois realmente os recursos são consideráveis (mais de um milhão de reais), porém até agora não vi nada publicado sobre o que está sendo feito.

Pois estes dias passando por Mallet, resolvi subir até a igreja para ver como está, e encontrei somente tapumes ao redor da igreja, o que pode ser observado no detalhe da foto abaixo. Andei por volta, e um local próximo ao salão de festas tem uma passagem, mas mesmo assim não deu para ver nada. Imaginei que os trabalhos devem ser internos primeiro, e parece que é isso mesmo que está acontecendo. A única novidade por lá é a realização do Congresso da Juventude Ucraíno-Brasilera em fevereiro de 2010.

Vilson José Kotviski

vilson@pessanka.com.br

www.pessanka.com.br

Construída em 1903, sob orientação do Padre Nikon Rozdolskey, a Igreja de São Miguel Arcanjo, localizada na Colônia Serra do Tigre (Município de Mallet-PR), é um dos grandes orgulhos da Comunidade Ucraniana, sendo o marco mais antigo da presença dos ucranianos no Brasil.

XVI Festival Nacional de Danças Ucranianas

A Companhia de Danças Ucranianas Verkovena da cidade de Maringá se prepara para receber no dia 12 de dezembro de 2009 uma das mais belas manifestações da cultura ucraniana no Brasil: o XVI Festival Nacional de Danças Ucranianas.
O evento reúne a maioria dos grupos folclóricos ucranianos do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo, somando mais de 500 dançarinos em uma grande confraternização e um grande espetáculo que apresenta a diversidade, beleza e energia da dança ucraniana.
O festival acontece anualmente de forma itinerante, abaixo estão as cidades e grupos que foram sedes do evento:
1994 – União da Vitória/PR – Folclore Ucraniano Kalena
1995 – Curitiba/PR – Grupo Folclórico Ucraniano Poltava
1996 – Ponta Grossa/PR – Grupo Folclórico Ucraniano Zoriá
1997 – Prudentópolis/PR – Grupo Folclórico Ucraniano Vesselka
1998 – Canoinhas/SC – Grupo Folclórico Ucraniano Blavat
1999 – Mafra/SC – Grupo Folclórico Ucraniano Vesná
2000 – Porto Alegre/RS – Folclore Ucraniano Solovey
2001 – Prudentópolis/PR – Grupo Folclórico Ucraniano Vesselka
2002 – Colônia Marcelino, São José dos Pinhais/PR – Grupo Folclórico Ucraniano Soloveyko
2003 – Mallet/PR – Grupo Folclórico Ucraniano Spomen
2004 – União da Vitória/PR – Folclore Ucraniano Kalena
2005 – Porto Alegre-RS – Folclore Ucraniano Solovey
2006 – Rio Azul – PR – Grupo Folclórico Ucraniano Dunay
2007 – Roncador – PR – Grupo Folclórico Ucraniano Vesná
2008 – Prudentópolis – PR – Grupo Folclórico Ucraniano Vesselka
2009 – Maringá – PR – Companhia de Danças Ucranianas Verkovena

Serviço:
XVI Festival Nacional de Danças Ucranianas
Data: 12 de dezembro de 2009.
Horário: 20h00
Local: Teatro Calil Haddad
Informações: verkovena@hotmail.com

Vilson José Kotviski
Porto União-SC / União da Vitória-PR
vilson@pessanka.com.br

Próxima apresentação do Grupo Kalena é em Rio Azul-PR

Na próxima segunda-feira, dia 12/10/09 (Feriado Nacional de Nossa Senhora Aparecida), o Folclore Ucraniano Kalena se apresenta na cidade de Rio Azul-PR.

A apresentação está prevista para as 17h30 no Parque Pedreira, onde acontece a festa da padroeira do município.

Vilson José Kotviski

vilson@pessanka.com.br

www.pessanka.com.br

 

Visite o site do grupo: www.grupokalena.com.br