Kistka – ferramenta para escrever pêssankas

A kistka é a ferramenta mais usada para fazer pêssanka na Ucrânia e demais países onde encontram-se as comunidades da diáspora.

É composta de uma espécie de funil metálico fixado em um cabo de madeira, e é aquecido à vela para manter a cera de abelha derretida e assim fazer os traços das pêssankas.

No Brasil, grande parte dos artesãos usa o bico de pena, e a kistka entra como um meio auxiliar para preenchimento. Vai da preferência de cada pessoa, e de encontrar a ferramenta que mais se adapta ao estilo e gosto de cada um.

Quem está iniciando normalmente tem dificuldade com o bico de pena, então a kistka é uma ferramenta interessante para começar, já que requer menos habilidade nos traços iniciais!

Você encontra kistka no site: www.pessanka.com.br/loja

KISTKA 4

OFICINA DE PÊSSANKAS NA COLÔNIA LEGRU, PORTO UNIÃO-SC: PROJETO VALORIZAÇÃO E INTEGRAÇÃO DAS ETNIAS DO VALE DO CONTESTADO

Vilson José Kotviski – pêssankas

Acontece no dia 12/04/18, na Colônia Legru, interior de Porto União-SC a terceira e última oficina de pêssankas do projeto Valorização e Integração das Etnias do Vale do Contestado.

A oficina será ministrada no Núcleo Educacional do Legru, pelo mestre e artesão de pêssankas, Vilson José Kotviski, e conta com o apoio da Secretaria de Educação de Porto União, através da Secretária Aldair Wengerkiewicz Muncinelli. Estão convidados alunos da escola e membros da comunidade para a participação na oficina.

O projeto foi desenvolvido pelo Folclore Ucraniano Kalena, de Porto União-SC, e realizará uma série de atividades, as quais são: 3 oficinas de pêssankas: em Caçador, Canoinhas e Colônia Legru (Porto União), e 5 apresentações artísticas do Folclore Ucraniano Kalena e convidados nas cidades de Piratuba, Treze Tílias, Caçador, Canoinhas e Porto2018-02-08-PHOTO-00012240 União.