Kalena Encerra o 11º Encontro das Nações em Florianópolis

Folclore Ucraniano Kalena. (foto: divulgação)

Cerca de 10 mil pessoas passaram pelo Largo da Alfândega para conferir as atrações do 11º Encontro das Nações – Brasil de Todos os Tons, que encerrou na noite de sábado (27/08) com a apresentação do Grupo Ucraniano Kalena, de Porto União (SC). Durante quatro dias, o evento reuniu uma mostra da diversidade étnica e cultural formadora da identidade do povo brasileiro, por meio da música, dança, gastronomia, artesanato, tradições e folguedos populares de dez estados do Brasil e também de Portugal.

A presença constante do público e a variedade da agenda oferecida garantiram o sucesso da iniciativa, na avaliação do superintendente da Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC), Rodolfo Joaquim Pinto da Luz. “O saldo é muito positivo. Nos quatro dias, o espaço esteve sempre lotado em todos os horários e a qualidade da programação também contribuiu muito para isso. O resultado é essa reação tão vibrante do público”, comentou satisfeito.

cultura para todos

No evento, o público teve oportunidade de conhecer um pouco das culturas cigana, judaica, italiana, afro-brasileira, ucraniana, indígena, alemã, coreana, japonesa, polonesa e açoriana, além de observar tradições regionais de norte ao sul do Brasil. Com as várias atrações no palco e a comodidade da estrutura coberta montada no Largo da Alfândega, com 1.500 metros quadrados, muitas pessoas preferiram passar o dia no Centro, mesmo com a chuva que caiu por vários dias na cidade.

Foi o que fez o advogado aposentado, Erani Müller, 71 anos, que mora em Florianópolis há dois anos com a esposa, Alice, de 64 anos. No sábado, o casal de idosos chegou às 10h30 e só saiu após a última atração. “Este é nosso terceiro dia aqui. A gente vê uma diversidade de culturas muito grande. É tudo tão maravilhoso que me emociona”, disse ele, com lágrimas nos olhos, enquanto aguardava para matar saudades das tradições da terra natal com a penúltima apresentação da noite – o Grupo Internacional “Os Gaúchos”, de Porto Alegre (RS).

Além de oferecer atrações culturais, palestras, exposições de artesanato e gastronomia regional, o 11º Encontro das Nações – Brasil de Todos os Tons proporcionou acesso a todos os públicos. “Nosso objetivo foi mostrar que a cultura está em todos os lugares no Brasil, não tem limites e nem preconceito”, observou o coordenador geral, João Batista Costa, ressaltando a gratuidade do evento e a participação do Boi de Óculos na programação do palco. O grupo de boi de mamão da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), de Florianópolis, mostrou ao público o trabalho que realiza com portadores de síndrome de down e outros tipos de deficiência.

Promovido pela Prefeitura de Florianópolis e Fundação Franklin Cascaes, o Encontro das Nações 2011 contou com o patrocínio do Governo de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, com recursos do Funcultural. Tem ainda o apoio do Sesc, Tractebel Energia e Secretaria Municipal de Transportes, Mobilidade e Terminais (SMTMT).

Foto/texto: divulgação

União da Vitória-PR: comunidade ucraniana festeja 20º Aniversário da Independência da Ucrânia

Ucranianos do mundo inteiro comemoram no dia 24 de Agosto de 2011, o 20º Aniversário da Independência e para a Comunidade no Brasil, este ano também marca os 120 anos da chegada dos primeiros imigrantes.

Em União da Vitória-PR e Porto União-SC, a Associação dos Amigos da Praça da Ucrânia realizou no último domingo (21/08) a tradicional Sessão Cívica, com o hasteamento das bandeiras do Brasil e da Ucrânia, e execução dos respectivos hinos nacionais pelo Conjunto Musical Ucraniano Trembita. O grupo abrilhantou o evento com diversas músicas tradicionais ucranianas.

Estiveram presentes o Prefeito de Porto União Sr. Renato Stasiak; o comandante da Polícia Militar de Porto União Major Miguel Chokailo Neto; o representante da PM de União da Vitória Capitão Juvêncio Antoczyzyn; o representante do prefeito de União da Vitória, Sr. Celso Pinto Cordeiro; diversas lideranças ucranianas, como Marcelo Tymus (Clube Ucraniano / Grupo Kalena), Lea Hunhevicz (CAP PSBM), Pe. Josafá Firman (Pároco PSBM), Ir. Mira (CSMI) e membros da comunidade.

Na solenidade, foi lida a carta do Presidente da Ucrânia Sr. Victor Yanukovich, saudando a passagem do Dia Nacional da Comunidade Ucraniana no Brasil, e também a passagem dos 120 anos de imigração ucraniana. Além de falar de atualidades da comunidade, homenagem com flores aos imigrantes, descendentes e povo ucraniano, foi recitada uma poesia de Tarás Schevtchenko afirmando o sonho de nossa comunidade em instalar na Praça da Ucrânia uma estátua deste poeta e herói da Ucrânia, seguindo o exemplo da maioria das cidades ucranianas.

Ao encerramento, tivemos a saudação do Sr. Celso Pinto Cordeiro ( representando o Prefeito de União da Vitória Carlos Alberto Jung), e o sempre agradável discurso o Prefeito de Porto União Sr. Renato Stasiak, que se faz presente a muitos anos nestas comemorações na Praça da Ucrânia.  Foi um evento muito agradável que enaltece a alegria de nossa comunidade em poder comemorar a independência da pátria de nossos antepassados.

Vilson José Kotviski – Coordenador Associação dos Amigos da Praça da Ucrânia – União da Vitória, Paraná.

Eugenio Covalchuk, idealizador e fundador da Praça da Ucrânia, Ir. Mira SMI e Prefeito Renato

Conjunto Musical Ucraniano Trembita
Prefeito de Porto União-SC, Renato Stasiak

Selo Comemorativo dos 120 Anos da Imigração Ucraniana no Brasil

Comunidade Ucraniana

 Tenho a grande honra em encaminhar ao conhecimento da comunidade ucraniana brasileira o selo, o edital e demais informações, sobre o selo comemorativo dos 120 anos da Imigração Ucraniana para Brasil, emitido pelos Correios do Brasil, por solicitação da Representação Central Ucraniano Brasileira, e as Relações Diplomáticas Brasil Ucrânia. O Lançamento do selo sera no dia 20 de agosto na cidade de Mallet e no dia 24 de agosto em Brasília na Embaixada da Ucrânia.

 Vitorio Sorotiuk

Presidente da Representação Central Ucraniano Brasileira.

 SOBRE O SELO O selo divulga duas igrejas Cristãs Ucranianas, uma na cidade de Kyiv, Ucrânia, e outra na colônia ucraniana Brasileira, na cidade de Mallet, no estado do Paraná. À esquerda, visualiza-se a Catedral de Santa Sofia, com suas cúpulas douradas, de arquitetura bizantina, o primeiro monumento ucraniano inscrito na Lista de Patrimônio Mundial da UNESCO. À frente, destaca-se o suntuoso Campanário da Catedral com quatro andares. À direita, a Igreja de São Miguel Arcanjo, a primeira construída no Brasil por imigrantes ucranianos; as paredes são triplas, onde a madeira foi encaixada com pouco uso de pregos, trata-se de um bem histórico, cultural e patrimonial. O contraste das cores, ao fundo, no selo, retratando a noite e o dia, expressa, no conjunto, o relacionamento, a integração e o respeito entre os dois países. A criação das molduras usadas como acabamento foi inspirada na cultura ucraniana, bem como usado um grafismo decorativo como ornamento do selo, lembrando os bordados, xilogravuras e os tradicionais ovos pêssanka ucranianos. Foram utilizadas as técnicas de desenho gráfico e fotografias.

DETALHES TÉCNICOS Edital nº 18 Fotos: Mem.Nac. Sofia Kyïvska e Gilson Camargo Arte-finalização: Departamento de Filatelia e Produtos Processo de Impressão: Ofsete Folha com 25 selos Papel: Cuchê gomado Valor facial: R$ 2,55 Tiragem: 12.000 folhas (300.000 selos) Área de desenho do selo: 39mm x 21mm Dimensões do selo: 44mm x 26mm Picotagem: 11 x 11,5 Data de emissão: 24/8/2011 Locais de lançamento: Brasília/DF e Mallet/PR Impressão: Casa da Moeda do Brasil Prazo de comercialização pela ECT: até 31 de dezembro de 2014 Código de comercialização: 852008996 ——————————————————————————– ——————————————————————————– ——————————————————————————–